Whatsapp

Viva Melhor


   


  17/01/2020



Governo veta contratação de professores nas universidades federais



 

 

 

Em mais um episódio de ataque à educação, o governo Bolsonaro emitiu uma portaria, no último dia 8, que suspende as universidades federais públicas de contratarem professores e técnicos-administrativos em educação. A medida irá precarizar o trabalho e o atendimento no serviço público, uma vez que gera a sobrecarga de atividades para os servidores ativos.

 

 

O Ofício 01/2020 publicado pela Secretaria de Ensino Superior do Ministério da Educação (Sesu/MEC) afirma que as instituições federais de ensino não estão autorizadas a fazer contratações. 

 

 

A grande maioria das universidades brasileiras encerou o ano de 2019 com um grande volume de aposentadoria. Técnicos e professores anteciparam suas retiradas para não serem pegos pela Reforma da Previdência de Jair Bolsonaro que retirou direitos sociais de muitos trabalhadores na iniciativa privada e principalmente, no serviço público federal.

 

 

Segundo reportagem do jornal Folha de São Paulo, o orçamento do Ministério da Educação (MEC) em 2020 será 17,21% menor do que o de 2019, caindo de R$ 122 bilhões para R$ 101 bilhões, e os maiores cortes estão na área de pesquisa científica, que perderá metade do já baixo orçamento conferido em 2019.

 

 

Fonte: Metrópoles e APUFSC edição da ADUA-SSind



Galeria de Fotos
 




energia solar manaus

Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:


aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL