Whatsapp

Viva Melhor


   




Reunião encaminha ampliação do protagonismo do ANDES-SN na defesa da Ciência e Tecnologia pública



Data: 14/12/2018

Realizada após o III Seminário de Ciência e Tecnologia (GTC&T), a reunião do pleno do Grupo de Trabalho do ANDES-SN, no dia 25 de novembro, em Campinas (SP), estabeleceu uma série de encaminhamentos. Entre eles está o de focar/priorizar as ações do Sindicato Nacional nas questões ligadas à C&T e ampliar o protagonismo das instâncias do ANDES-SN (seções sindicais, regionais, diretoria) na defesa da Ciência e Tecnologia pública, no âmbito local, estadual e nacional, como centralidade da luta para o ANDES-SN em 2019. O III Seminário do GTC&T ocorreu nos dias 23 e 24 de novembro, em Campinas.

Conforme o relatório da reunião que contou com representantes de 10 seções sindicais, divulgado nesta quinta (13), o GT encaminhou, ainda, buscar implantar e/ou fortalecer os GTC&T locais e aproximar as questões sobre Ciência e Tecnologia da categoria e da sociedade por meio de cursos, a exemplo do que faz o GTFPS; palestras antes dos congressos e produção de vídeos curtos para divulgar eventos/cursos e o tema, utilizando as redes sociais.

O encontro do GT, realizado no auditório da Associação de Docentes da Unicamp (Adunicamp) teve como pauta: Informes; avaliação das atividades do seminário; encaminhamentos e outros assuntos. Foram feitos, ainda, os seguintes encaminhamentos:

- Fomentar o acesso e o interesse para o material já produzido pelo ANDES-SN (Cartilha, Caderno 28 e Informandes Especial) e disponibilizar esse material (atalho eletrônico e/ou material impresso) para as bibliotecas das IES e entidade de pesquisa;

- Elaborar resumos das deliberações das reuniões do pleno, dos encontros/seminários e eventos, remetendo ao relatório para detalhes, e enviar para a categoria;

- Produzir e distribuir adesivos com temas relacionados à C&T, semelhantes ao que fez a Unicamp;

- Organizar eventos unificados entre docentes, servidores técnico-administrativos e estudantes das Instituições Públicas de Pesquisa e Ensino Superior;

- Realizar campanhas nas mídias sociais e imprensa visando dar visibilidade aos avanços da Ciência e Tecnologia como fruto do investimento público na área;

- Apresentar a pauta da C&T para a CSP-Conlutas;

- Organizar debates sobre C&T incluindo os parlamentares e gerar vídeos a partir das falas; 11. Continuar a divulgar e a apoiar as ações do MCTP;

- Identificar, com ajuda das SSind e Regionais, sindicatos e outras entidades que têm discutido C&T (SP, RJ e MG) para construir o enfrentamento;

- Enfatizar a necessidade de abordar a C&T ao discutir novas relações de trabalho;

- Divulgar trechos editados, e com recomendação para assistir, vídeos do seminário CRUESP/TCE (Ver Circular nº 272/18 enviada em 29 de agosto de 2018) e vídeo com entrevista com Nicolelis falando sobre o ataque à USP (desmonte da pesquisa);

- Discutir/Preparar a defesa frente a possibilidade de ataque do governo via ampliação da desvinculação nacional dos recursos vinculados à educação e à saúde;

- Avaliar o documento “Propostas para o Brasil 2019-2022” da CNI, em contrapartida com o projeto de universidade, defendido pelo ANDES-SN.

- Retomar o debate de projeto estratégico para o país em articulação com a C&T

- Apresentar a vinculação do eixo da C&T com o mundo do trabalho

- Ampliar a articulação, onde for possível, com os demais centros de pesquisa nacional e estaduais na defesa da estrutura pública e do financiamento público para a produção de C&T (Evandro Chagas, Museus, Embrapa)

- Articulação com as demais organizações sindicais nacionais (Fasubra, Sinasefe, etc.)

- Dinamizar a comunicação com as novas redes sociais

- Organizar seminários regionais (por regional ou inter-regionais) para debater o MLCTI, em conjunto com as demais entidades

- Verificar junto às seções sindicais o nível de regulamentação do MLCTI nas suas IES

- Lutar contra a ampliação da precarização do trabalho docente a partir da saída de docentes por meio do MLCTI

- Acompanhar a regulamentação do MLCTI nas IES públicas e denunciar as irregularidades

A próxima reunião do pleno do GTC&T foi marcada para o final de março de 2019 em Brasília (DF). Na reunião no dia 25 participaram: Coordenação: Paulo Centoducatte (Coordena); Cristine Hirsch (Consolida); e Participantes: Aubedir (ADUFPA); Rigo (ADUFPEL); Milton (APROFURG); César (ADUSP); Marcelo (ADUFS); Domingues (ADUFMAT); Arley (ADUFF); Auditório - Coordenadores: Maurício e Emerson; e Participantes: ADUFPA – Waldir; ADUFPEL – Ariane e Diogo; APROFURG – Lucas; ADUNICAMP – Wagner; ADUFPB – Tadeu; ADUR – Luciano; SEDUFSM – Hugo; SINDUECE – Macário).

Fonte: ADUA-SS

Com informações do ANDES-SN



Galeria de Fotos
 




energia solar manaus

Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:


aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL