Whatsapp

Viva Melhor


   




Docentes escolhem representantes para o 64º Conad durante assembleia



Data: 11/06/2019


Os docentes da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) de Manaus aprovaram, por unanimidade, a adesão à Greve Geral de 14 de junho. A decisão foi tomada durante assembleia realizada, na tarde desta segunda-feira (10), no auditório da Seção Sindical dos Docentes da Universidade Federal do Amazonas (ADUA). Durante a assembleia, a categoria também definiu a comitiva de delegados e observadores que irá representar o sindicato no 64º Conselho do ANDES-SN (Conad), em Brasília (DF), nos dias 11 e 14 de julho.

“Essa greve que está sendo chamada é importante para mostrar a nossa insatisfação como classe trabalhadora, devemos nos posicionar favoráveis a greve geral, vamos todos e todas, vamos para a rua, vamos escrever uma nova página da história do trabalhador amazonense”, declarou o professor da Faculdade de Educação (Faced) da Ufam, Jacob Paiva.

Representantes de outras entidades presentes na assembleia dos professores também se manifestaram a favor da Greve Geral de 14 de junho. “Nossa categoria está unida, ainda não estamos derrotados, vamos dar a volta por cima”, afirmou o integrante da CSP-Conlutas, Gilberto Vasconcelos. “Queremos a participação dos professores e alunos, estamos fazendo panfletagem nas ruas, no intuito de mobilizar pessoas”, comentou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Superior do Estado do Amazonas (Sintesam), Francisco Viana.

A Greve Geral convocada durante o ato do Dia Internacional de Luta dos Trabalhadores, em São Paulo (SP), em 1º de maio, ocorrerá em todo o país, em defesa da educação pública e do direito de aposentadoria; e em repúdio à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 6/19, a Contrarreforma da Previdência de Jair Bolsonaro e a toda tentativa de retirada de direitos do governo de ultradireita.

Programação

Foi encaminhada durante a assembleia a realização, na manhã do dia 14, uma panfletagem nas ruas do Centro de Manaus e do Distrito Industrial para convocar a população para o protesto unitário que será realizado no período da tarde.

O grande ato terá concentração às 15h, na Praça 5 de Setembro (Praça da Saudade). Em seguida, os manifestantes farão uma passeata pelas ruas Epaminondas e 25 de julho, com término na Praça do Congresso.

O Comando de Mobilização dos Docentes irá convocar técnicos-administrativos e estudantes da Ufam para uma reunião, na tarde desta quarta-feira (12), no auditório da ADUA, para tratar sobre a construção da Greve Geral do Dia 14.

64º Conad

O presidente da ADUA-SSind., professor Marcelo Vallina, irá representar o sindicato como delegado (direito a voto e voz) no 64º Conad. Já as professoras Valmiene Florindo do Instituto de Ciências Sociais, Educação e Zootecnia (ICSEZ) e Elciclei Faria, da Faced, participarão como observadoras.

Conforme o estatuto do ANDES-SN, o Conad é composto por uma delegada ou uma delegada de cada seção sindical (S. Sind) ou AD – seção sindical (AD–S. Sind), escolhido ou escolhida na forma deliberada por assembleia geral (AG), com direito a voz e voto. E por observadores e observadoras de base das S.Sind ou AD-SINDs e secretarias regionais, com direito a voz.

Fonte: ADUA-SSind.

Leia também:

Contra o fim da aposentadoria, centrais sindicais convocam Greve Geral para 14 de junho

ICSEZ, IEAA e INC apoiam a Greve Geral de 14 de junho


Galeria de Fotos
 




energia solar manaus

Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:


aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL