Whatsapp

Viva Melhor


   




Comissão da Verdade do ANDES-SN divulga nota de repúdio às declarações de Bolsonaro



Data: 02/08/2019


NOTA DE REPÚDIO ÀS DECLARAÇÕES DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA AO PRESIDENTE DA OAB, FELIPE SANTA CRUZ

A Comissão da Verdade do ANDES-SN e a Diretoria Nacional vem a público manifestar veementemente seu repúdio às desrespeitosas declarações do presidente da república, que em 29 de julho afirmou que “um dia, se o presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, quiser saber como é que o pai dele desapareceu no período militar, eu conto para ele”. O pai do Presidente da OAB, Fernando Santa Cruz, foi preso e assassinado aos 26 anos, por agentes do Estado sem que seu corpo tenham sido entregue à família, em fevereiro de 1974, durante a ditadura civil empresarial militar. Atualmente, existem fortes indícios de que, após a sua tortura e assassinato pela repressão, seu corpo tenha sido incinerado, junto aos de mais 10 desaparecidos, nos fornos da Usina Cambahyba, em Campos dos Goytacazes, no interior do Rio de Janeiro/RJ.

Ao atacar Felipe Santa Cruz, afirmando ter conhecimento sobre o que aconteceu com seu pai, o presidente do Brasil desrespeita não apenas a dor da família, mas os próprios valores democráticos, ferindo a ética e compactuando com crimes de lesa humanidade.

Tal declaração além de representar um desrespeito às famílias e à memória dos mortos pela violência do Estado, deixa claro como as questões relativas aos direitos humanos continuarão a ser tratadas no Brasil: com cinismo, desrespeito e desumanidade!

Manifestamos nossa solidariedade irrestrita às famílias daquele(a)s que foram morto(a)s, torturado(a)s ou desaparecido(a)s, ao longo de nossa história, especialmente durante o Golpe Militar de 1964 representados neste momento na família de Fernando Santa Cruz, pai de Felipe, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil.

Nosso apoio e solidariedade irrestritos à família Santa Cruz e a todo(a)s aqueles e aquelas que ainda buscam respostas sobre seus parentes desaparecidos durante a ditadura civil militar empresarial de 1964-1985.

# PELO DIREITO Á MEMÓRIA, VERDADE E JUSTIÇA!
# PUNIÇÃO PARA A VIOLÊNCIA PRATICADA PELOS AGENTES DO ESTADO!
Brasília (DF) 31 de julho de 2019
Diretoria do ANDES-Sindicato Nacional


Galeria de Fotos
 




energia solar manaus

Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:


aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL