Av. Rodrigo Otávio Jordão Ramos, 6.200, Campus Universitário da UFAM, Setor Sul Coroado - CEP 69080-900 - Manaus/Amazonas

Whatsapp +55 92  98138-2677
+55 92 4001-0031


Viva Melhor


   


  19/09/2021


100 anos de Paulo Freire: Patrono da Educação Brasileira



O 19 de setembro de 2021 marca a data do centenário de nascimento de Paulo Freire. Educador, pedagogo e filósofo, defensor da educação brasileira para todos e todas. Nascido em Recife, no estado de Pernambuco, Paulo Freire é conhecido mundialmente pelo desenvolvimento de seu pensamento de que a educação, por meio da reflexão crítica, é o caminho para a emancipação de sujeitos e transformação de realidades.  Dentre sua vasta publicação, três obras se destacam: “Pedagogia do Oprimido”, ‘Pedagogia da Esperança” e “Pedagogia da Autonomia”. Em 2012, a partir da Lei 12.612, Freire é considerado Patrono da Educação Brasileira.

 

Paulo Freire deixa um legado que reverbera tão forte nos tempos atuais, quanto no contexto no qual viveu. Em abril de 1990, o educador concedeu uma entrevista para a primeira edição da Revista Universidade & Sociedade e declarou: “Quanto mais criticamente claros nos tornamos em face de, a favor de que e de quem, contra que, e contra quem somos educadoras e educadores, tanto melhor percebemos que a eficácia de nossa prática exige de nós competência científica, técnica, e política. Jamais uma sem a outra. Jamais clareza política sem saber científico. Jamais este com ares de descomprometido. Na linha destas reflexões é que me parece fundamental o papel político-pedagógico das entidades da categoria. Tudo o que puder ser feito como contribuição à formação permanente de seus quadros numa prática e numa visão que não dicotomize o político do científico, deve ser feito”,

 

Em 2020, o ANDES-SN lançou a edição 66 da revista Universidade e Sociedade, com o tema "O Legado de Paulo Freire para a Educação", composta por mais 25 textos, entre artigos e resenhas. A revista traz diversas reflexões sobre as contribuições freirianas para a Educação, para a Universidade Pública e para a militância sindical, popular e partidária. 

 

Em entrevista para o ANDES-SN, em 2018, a docente da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás (UFG), Maria Margarida Machado, comentou sobre o legado de Paulo Freire, afirmando que Freire combatia a opressão decorrente da situação financeira e da limitação do acesso aos bens materiais, e a mentalidade conservadora

 

“A mentalidade conservadora, tradicional, tem a ver com o que o sujeito aprende com a sua família, na religião e no trabalho. Nessas relações, essa convivência ao invés de torná-lo um sujeito livre e amoroso, o aprisiona a um conjunto de preceitos morais, éticos e céticos que o distancia de outros seres humanos”, disse Margarida.

 

É no pensamento freiriano que se encontra a concepção de que o conhecimento deve ser resultado de um processo de construção, e não de uma relação em que educadores depositam “verdades” aos educandos, como se estes tivessem caixinhas, que pudessem ser acessadas como arquivos. Esta é a crítica à educação bancária desenvolvida por Freire.

 

“Aprender, para Paulo Freire, é acessar o conhecimento sistematizado, problematizar esse conhecimento, buscar a compreensão para além daquilo que é dito”, explica Margarida.

 

Neste sentido Paulo Freire compreendia que para se humanizar o sujeito passa por um processo de aprender, este aprender sendo resultado das relações coletivas, do exercício dialógico, e não monológico, com o outro.  E nesta compreensão, é também fundamental para Paulo Freire, que o educando deve se empoderar e reconhecer-se como sujeito transformador de realidades.

 

Paulo Freire formou-se em direito, mas não seguiu a carreira. Dedicou-se então ao magistério. Foi perseguido pela Ditadura Militar, preso e exilado. Com a anistia, retornou ao Brasil em 1979, onde se integrou à vida acadêmica. Freire foi nomeado doutor Honoris Causa de 28 universidades em vários países, com obras traduzidas em mais de 20 idiomas.  Ele Morreu em 1997, de infarto.

 

Fonte: Com informações do ANDES-SN e Instituto Paulo Freire



Galeria de Fotos
 

 

COMENTÁRIO:


NOME:


E-MAIL:

 






energia solar manaus

Manaus/Amazonas
Av. Rodrigo Otávio Jordão Ramos, 6.200, Campus Universitário da UFAM, Setor Sul Coroado - CEP 69080-900 - Manaus/Amazonas

energia verde

CENTRAL DE ATENDIMENTO:
+55 92 4001-0031
+55 92  98138-2677
aduasindicato@gmail.com

ADUA DIGITAL